Electrolab Bioreator Fermentador FerMac 320

Electrolab Bioreator Fermentador FerMac 320

  • Disponível nas versões para microbiologia e cultura celular
  • Sistema de controle de biorreator de bancada
  • Excelente custo/benefício
  • Motor montado na embarcação com sistema de travamento exclusivo
  • Sistema intuitivo de medição e controle com acionamento motorizado embutido
  • Recipientes totalmente autoclaváveis ​​com defletores removíveis e bobina de resfriamento

Electrolab Bioreator Fermentador FerMac 320

  • Disponível nas versões para microbiologia e cultura celular
  • Sistema de controle de biorreator de bancada
  • Excelente custo/benefício
  • Motor montado na embarcação com sistema de travamento exclusivo
  • Sistema intuitivo de medição e controle com acionamento motorizado embutido
  • Recipientes totalmente autoclaváveis ​​com defletores removíveis e bobina de resfriamento

Especificações Técnicas

  • Recipientes - Bacteriológico | Cultura de células | Agitação por ar (Air lift)
    • Volume de trabalho (litros): 2, 5, 10 | 2, 5, 10 | 8
    • Volume total (litros): 2,7, 6,4, 12,4 | 2,6, 6,3, 12,3 | 10
    • Portas de 6,3 mm: 6-7 | 8-9 | 6
    • Portas de 12 mm: 5-7 | 5-7 | 7
    • Portas de 25 mm: 4 (Air Lift)
  • Agitação
    • Faixa de velocidade (rpm): 0-1000 | 0-800 | N/A
    • Opção alta velocidade (rpm): N/A | 0-200 | N/A
  • Controle de temperatura
    • Aquecimento: Sensor PT100 para medição da temperatura do recipiente, aquecimento com baixa voltagem (24 V) com sistema circular
    • Refrigeração: Serpentina/palhetas integradas / Trocador de calor tipo "Cold Finger" opcional
    • Faixa: 5°C acima da temperatura da água de refrigeração até 50°C
  • Controle de pH
    • Bacteriológico - utiliza eletrodo de pH autoclavável, controle pr adição de ácido ou base por duas bombas
    • peristálticas Watson Marlow
    • Cultura de células - utiliza eletrodo de pH autoclavável, controle por fluxo de gás CO2
    • Faixa: 0-14 pH com calibração na tela e monitoramento por eletrodo
  • Controle de OD (Oxigênio dissolvido)
    • Bacteriológico - utiliza eletrodo polarográfico autoclavável de OD, controlado tanto pela velocidade de agitação,
    • fluxo de ar ou combinação de ambos.
    • Cultura de células - utiliza controle de fluxo de gás, com ar, O2, N2 ou CO2
    • Air Lift - por fluxo de ar
    • Faixa: 0-120% com calibração na tela e monitoramento por eletrodo
  • Controle de espuma:  utiliza tanto sonda de condutividade ou timer com com sensibilidade variável.
  • Bomba de alimentação: totalmente ajustável, utilizando timers liga/des. Fluxo máximo de 6,4 ml/min
  • Energia: 230 V, 50 Hz ou 115 V, 60 Hz - normalmente 1 kW
  • Programa: software SCADA capaz de controlar e coletar dados de até 8 fermentadores com conexões RS232 ou RS485.